quarta-feira, 20 de novembro de 2013

Dica pra tirar manchas da roupa.

Olá pessoas!!!

Hoje vamos de dicas. 

Quando a gente sai e mancha a roupa de molho, da vontade de chorar. Aliás, qualquer mancha na roupa da vontade de chorar. Mas, tenho um truque infalível e ótimo pra tirar manchas, de quase todos os tipos. Ah, o truque é para manchas pequenas ou respingos, manchas deixadas pelo desodorante, riscos de caneta.

Em um potinho coloque:
- 1 colher de lustra móveis (qualquer marca).
- 1 colher de detergente usado para lavar louças, qualquer marca, porém tem que ser o neutro, transparente.

Misture os dois. Use uma escova de dentes velha para pegar a mistura. Passe em movimentos circulares na mancha. Faça isso dos lados da mancha (lado certo e avesso). 
Com delicadeza, vai molhando a escova e passando na roupa. Aos poucos ela vai sumindo.

Cuidado: não pode ser usado a escovinha em qualquer tecido. Tecidos finos como seda ou renda, podem ser danificados. Nestes casos, esfregue delicadamente com as mãos.

Se a mancha estiver dificil pra sair, deixa o produto agir por alguns minutos e depois esfregue.

Fica a dica!!!






segunda-feira, 11 de novembro de 2013

TPM - Verdade ou Mito?

Olá pessoas!!

Eu estive sumida uns dias, mas já voltei!! 
As vezes só é possível fazer 999 coisas ao mesmo tempo.

Depois de mais uma experiência traumática, péssima, horrível, vou falar sobre o assunto "TPM", que ao mesmo tempo que assusta, tem aqueles que não acreditam, ignoram ou simplesmente falam que é "desculpinha pra piti". Pois bem, vamos então desvendar esse mistério, ou tentar.

TPM, Mito ou verdade?

13 significados para TPM:

-Treinada Para Matar
-Tô Puta Mesmo
-Todos Problemas Misturados
-Tente Pertubar Menos
-Totalmente Pirada e Maluca
-Tensão Psicológica Maluca
-Tocou, Perguntou, Morreu
-Temporada Proibida Masculina
-Tempo Para Matar
-Tente Próximo Mês
-Tenha Paciência Moleque
-Tudo Parece Merda
-Tô Possuída Maluco

Fiz uma pesquisa e achei milhares de coisas relacionadas a TPM. Matérias e artigos interessantíssimos, pesquisas pelo mundo afora e muitos estudos e estatísticas.

Selecionei uma parte de uma entrevista que Dr. Drauzio Varella fez para a Dra Mara Diegoli, médica e coordenadora do Centro de Apoio à Mulher com Tensão Pré-Menstrual do Hospital das Clínicas da Universidade São Paulo.

"Tensão pré-menstrual, ou TPM, se caracteriza por um conjunto de sintomas e sinais que se manifesta um pouco antes da menstruação e desaparece com ela. 

Do ponto de vista dos hormônios sexuais, os homens são muito mais simples do que as mulheres. Eles fabricam testosterona cuja produção começa a cair inexorável e lentamente a partir dos 20, 30 anos de idade. As transformações que essa queda provoca no humor masculino são, de certa forma, previsíveis e é por isso que as mulheres dizem que os homens são todos iguais.

Com elas, é diferente. Em cada dia do mês, a mulher tem uma concentração de hormônios sexuais diferente da do dia anterior e diferente da do dia seguinte. O impacto que isso provoca no humor feminino também oscila de um dia para o outro. Por isso, os homens dizem que as mulheres são difíceis de entender."

DEFINIÇÃO E PRINCIPAIS SINTOMAS

Drauzio – O que é tensão pré-menstrual e quais seus principais sintomas?

Mara Diegoli – Tensão pré-menstrual, ou TPM, é o nome que se dá a uma série de sintomas que se manifestam antes da menstruação. Mas, é preciso estarmos atentos: eles têm de sumir com a menstruação. Caso não desapareçam, não se trata de tensão pré-menstrual.

Os sintomas são variados: irritabilidade, depressão, dor nas mamas e agressividade, que pode e deve ser controlada. Dor de cabeça é outra queixa frequente. A mulher também chora fácil sem saber exatamente por quê e pode explodir sem motivo.

Drauzio – Quantos dias antes, mais ou menos, eles se manifestam?

Mara Diegoli – É variável. Há pessoas em que aparecem 15 dias antes e outras que só se alteram um ou dois dias antes da menstruação. Neste caso, a mulher está tranquila; de repente, é acometida por dor de cabeça e, no dia seguinte, menstrua. Ou, então, no dia que antecedeu a menstruação, estava no trabalho e aparentemente sem motivo começou a brigar com todos os colegas.

PRINCIPAL CAUSA DA MUDANÇA DE HUMOR

Drauzio – Em termos gerais, qual a explicação para essa mudança de humor?

Mara Diegoli – A principal causa está associada à produção de serotonina, uma substância produzida pelas células nervosas e que, na mulher, oscila de acordo com o período do ciclo menstrual. A serotonina atua sobre o humor das pessoas. Quando seu nível no organismo está alto, ficamos alegres, felizes, bem-humorados. Quando ele cai, ficamos mal-humorados e queremos comer doces para compensar.

Sabe-se que no período pré-menstrual há uma queda nos níveis da serotonina. Sabe-se também que, diferentemente dos hormônios do homem, os hormônios femininos interferem com a produção da serotonina. Isso explicaria os sintomas psíquicos, enquanto os físicos resultam principalmente da própria alteração hormonal.

É claro que não são todas as mulheres que sofrem de tensão pré-menstrual. Algumas são mais sensíveis; em outras, a TPM se manifesta apenas em determinada época da vida.

FATORES PREDISPONENTES

Drauzio – Existe uma diferença no comportamento fisiológico da tensão pré-menstrual. Há mulheres em que a TPM praticamente inexiste e aquelas que sofrem muito nessa fase.

Mara Diegoli - Eu destacaria três fatores para explicar a TPM. O primeiro é o hereditário. Pessoas cujas mães apresentaram TPM têm maior probabilidade de desenvolver a síndrome.
(Coitado do marido da minha filha Luiza)

O segundo é o fator externo. A mulher pode não ter TPM se estiver atravessando uma fase boa da vida e a serotonina sendo produzida em quantidade adequada, mas pode apresentar se estiver passando por situações difíceis, como doença na família, dificuldades econômicas, divórcio, pressão no trabalho. Nesses casos, o nível da serotonina, que já deve estar baixo, cairá mais ainda na segunda fase do ciclo menstrual, quando for produzido o hormônio que o derruba mais ainda.

O terceiro é o fator endógeno. Há mulheres mais sensíveis a mudanças hormonais e as menos sensíveis. Estas podem não ter TPM ou tê-la de uma forma mais gostosa. Por exemplo, conheci uma mulher que pintava a casa nesse período, o que era uma forma agradável de dissipar a ansiedade e tensão que sentia.

INFLUÊNCIA DA FAIXA ETÁRIA

Drauzio – Como flutua a TPM em função da faixa etária. Ela é mais comum nos jovens ou entre as pessoas mais velhas?

Mara Diegoli – Depende do sintoma. Um trabalho que realizamos no HC, em que foram entrevistadas 2.000 mulheres, evidenciou que a TPM é mais frequente após os 30-40 anos de idade, dado corroborado pela literatura médica sobre o assunto. Antes dessa idade, elas nem percebem que vão menstruar. A adolescente chega à escola e de repente sangra e tem cólica, o sintoma mais comum nessa faixa etária. No entanto, aos 30-40 anos, ocorrem com mais frequência os sintomas psíquicos. Elas se sentem mais cansadas e irritadas um ou dois dias antes de menstruar.

FAZENDO O DIAGNÓSTICO

 Drauzio – Quando você recebe uma mulher com queixas de tensão pré-menstrual, como faz para ter certeza de que se trata mesmo desse problema?

Mara Diegoli – A mulher pode e deve fazer o diagnóstico em casa. Para tanto, basta anotar num calendário os dias em que está triste, irritada, com dor de cabeça, chorando fácil e o dia em que menstruou. Se os sintomas começarem um pouco antes e desaparecerem durante a menstruação – não precisa ser no primeiro dia – ela tem TPM.

Drauzio – Obrigatoriamente, os sintomas têm de desaparecer durante a menstruação?

Mara Diegoli – Eles têm de cessar até o fim da menstruação. Caso se prolonguem, não é TPM.  Por isso, para estabelecer um diagnóstico preciso, é importante a mulher observar o que sentiu durante o mês inteiro. Se ficou com dor de cabeça, irritada, deprimida, sem querer sair de casa, chorando à toa, é bom verificar se está perto da menstruação. Assim, também fica mais fácil aprender a controlar-se. Enquanto faz o gráfico e anota os sintomas, ela pode constatar que está entrando na fase da TPM – “Puxa, por isso gritei com meu filho e ia brigar com ele” – e começar a acionar alguns mecanismos para combater os sintomas dessa síndrome.

MECANISMOS PARA COMBATER OS SINTOMAS

Drauzio – Quais são esses mecanismos?

Mara Diegoli – O mais importante de todos é o autoconhecimento. Ninguém pode trabalhar com uma coisa que não conhece, nem ter bom desempenho profissional, social ou familiar. Os hormônios mudam nosso humor? Mudam. Vamos, então, trabalhar com eles. A mulher já venceu tantos obstáculos que conseguirá vencer mais esse facilmente, desde que queira.

Ela sabe que a mudança dos hormônios vai alterar o seu humor, está anotando no calendário e já percebeu que anda mais irritada. Vamos supor que esteja marcada uma reunião com o chefe. Se for à reunião e despejar tudo o que tem vontade e acha que ele deve ouvir, com certeza vai perder o emprego, o que é justo porque não se pode falar tudo aquilo que se pensa. Peneirar o que se diz ajuda a tornar o mundo melhor.

Terminar o namoro pode ser uma idéia mais antiga, mas é conveniente que espere a TPM passar. Nesse caso, há até algumas dicas para os namorados. Evitem estar junto, discutir assuntos sérios ou tomar decisões definitivas nesses dias. Se a esposa está na fase de TPM e começou a ficar brava, o marido pode pegar os filhos para passear a fim de não entrar em atrito com ela, afastando assim a possibilidade de agressões mútuas que não têm cura. A TPM pode passar, mas o que foi dito ou feito jamais será esquecido.

Por isso, é fundamental que a mulher aprenda a controlar-se. Se estiver diante de uma situação difícil, procure adiar a solução para depois que menstruar, quando seu comportamento será diferente. Numa reunião de trabalho, é mais profissional dizer ao chefe que vai analisar um assunto polêmico e depois mandar um relatório por escrito do que ter um destempero e perder o emprego.

Exercícios físicos ajudam muito, porque reduzem a tensão, a depressão e melhoram a autoestima. Está brava, vai dar uma volta no quarteirão, fazer ginástica ou arrumar um armário, que se sentirá melhor.

Drauzio – Que tipo de alimentos deixa a mulher mais ansiosa?

Mara Diegoli – Sem dúvida alguma, o café deixa as pessoas mais ansiosas. Portanto, é fundamental diminuir o número de cafezinhos ingeridos nessa fase. O cigarro aumenta a insônia, um dos sintomas típicos da TPM, e a dor de cabeça. Não fumar ajuda a dormir melhor e, dormindo melhor, a ansiedade diminui. Alimentos que aumentem a diurese, por exemplo, chuchu, morango, melancia, salsa e agrião, ajudam desde que a mulher esteja empenhada na própria melhora.

Drauzio – E o açúcar que papel desempenha nessa fase?

Mara Diegoli – Quando cai a serotonina, a mulher sente compulsão por doces. Não há mulher que desconheça o desejo de comer doces nos dias que antecedem a menstruação. O açúcar libera endorfina, substância que transmite sensação de bem-estar, mas que facilita a retenção de água no organismo. Doces engordam e, ao perceber que a menstruação passou e ela não perdeu peso, a tendência é ficar deprimida. Deve-se, então, substituir o doce por um alimento adocicado que não contenha açúcar.

RECOMENDAÇÕES IMPORTANTES

Drauzio – Vamos resumir as recomendações para as mulheres em que a tensão pré-menstrual não é intensa.

Mara Diegoli – Primeira recomendação: aprenda a conhecer-se. Anote diariamente o que está sentindo e os dias da menstruação. Verifique se os sintomas aparecem alguns dias antes e desaparecem com ela;

Segunda recomendação: não use a TPM como desculpa . Ela não é desculpa para nada. Se a mulher tem TPM, precisa de tratamento, porque ninguém é obrigado a aguentar seu mau humor. Saber controlar-se é importantíssimo para quem quer crescer pessoal, social e profissionalmente;

Terceira recomendação: exercício físico adianta e merece ser feito;

Quarta recomendação: evite compromissos importantes nos dias de tensão, porque você pode tomar atitudes erradas. Tente adiá-los. No dia seguinte, provavelmente você estará melhor  Quinta recomendação: a mulher precisa aprender a conhecer-se e a viver consigo mesma. Assim ela melhora não só sua qualidade de vida como a de todas as pessoas envolvidas direta ou indiretamente com ela.

Bom, não sei vocês, mas comigo é exatamente assim. Quando eu estou atenta, eu evito situações que vão me tirar do sério. Tento ao máximo me policiar. Mas as vezes, o tempo passa e eu não percebo que o dia de menstruar esta próximo, resultado: explosões maiores que qualquer guerra no planeta. De um minuto pra outro parece que o sangue ferve, grito, falo cobras e largartos e depois desse turbilhão de nervos...passa. E é fato: no dia seguinte desce a bonita. É um reloginho que o despertador avisa antes.

Eu tomei o anticoncepcional Cerazette durante mais de 10 anos. Esse remédio corta a menstruação e automaticamente a TPM. Há pouco mais de 1 ano, parei de tomar para engravidar e então as TPMs estão de volta com força total. Não é uma situação agradável. É ruim pra gente e muito pior pra quem convive ao nosso lado. E o pior, as pessoas não acreditam e no meu caso que fiquei anos sem isso, é mais dificil ainda acreditar. Depois de mais uma trágica TPM, resolvi estudar e li artigos do mundo todo, estudos, pesquisas e a TPM existe, eu tenho e sofro com ela. O consolo é que outras mulheres também sofrem e tem como amenizar os sintomas.

Quando li as dicas que a Dra Mara passou, me identifiquei. Eu fiz esse "calendário" de humor e desde então tento me policiar o máximo possível. Mas infelizmente, as vezes, não consigo.

Algumas dicas pra tentar aliviar a TPM:
- Programe o celular pra te avisar pelo menos 7 dias antes da menstruação. Assim, você fica atenta a situações que podem te tirar do sério.
- Chocolate. Sempre ajuda. Tenha sempre muitos e prefira os puros e meio amargo.
- Avise as pessoas que caso seu humor altere de repente, você entrou na TPM.
- Os Florais Joel Aleixo são ótimos, funciona. Só não pode parar de tomar. 
- Faça atividade física, de preferencia aeróbica, luta ou dança.
- Mascar chiclete nesses dias ajuda também.

Resumo:

TPM - Verdade ou Mito?

VERDADE

Leia a matéria na integra http://drauziovarella.com.br/mulher-2/tensao-pre-menstrual-2/


















quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Tudo Rosa!

O mês de Outubro fica lindo, tudo rosa. Muito bacana como as pessoas de todas as idades abraçaram a campanha Outubro Rosa contra o câncer de mama. 

Pra você que não sabe, vou contar a história:

"O movimento popular internacionalmente conhecido como Outubro Rosa é comemorado em todo o mundo. O nome remete à cor do laço rosa que simboliza, mundialmente, a luta contra o câncer de mama e estimula a participação da população, empresas e entidades. Este movimento começou nos Estados Unidos, onde vários Estados tinham ações isoladas referente ao câncer de mama e ou mamografia no mês de outubro, posteriormente com a aprovação do Congresso Americano o mês de Outubro se tornou o mês nacional (americano) de prevenção do câncer de mama.

A história do Outubro Rosa remonta à última década do século 20, quando o laço cor-de-rosa, foi lançado pela Fundação Susan G. Komen for the Cure e distribuído aos participantes da primeira Corrida pela Cura, realizada em Nova York, em 1990 e, desde então, promovida anualmente na cidade (www.komen.org). 

A popularidade do Outubro Rosa alcançou o mundo de forma bonita, elegante e feminina, motivando e unindo diversos povos em em torno de tão nobre causa. Isso faz que a iluminação em rosa assuma importante papel, pois tornou-se uma leitura visual, compreendida em qualquer lugar no mundo.

A primeira iniciativa vista no Brasil em relação ao Outubro Rosa, foi a iluminação em rosa do monumento Mausoléu do Soldado Constitucionalista (mais conhecido como o Obelisco do Ibirapuera), situado em São Paulo-SP. No dia 02 de outubro de 2002 quando foi comemorado os 70 Anos do Encerramento da Revolução, o monumento ficou iluminado de rosa "num período efêmero" como relembra o secretário da Sociedade Veteranos de 32 - MMDC, o Coronel PM (reformado) Mário Fonseca Ventura.
   
Essa iniciativa foi de um grupo de mulheres simpatizantes com a causa do câncer de mama, que com o apoio de uma conceituada empresa européia de cosméticos iluminaram de rosa o Obelisco do Ibirapuera em alusão ao Outubro Rosa." Fonte: outubrorosa.org.br

Esse ano, além dos monumentos todos "vestidos" de rosa, as pessoas usando o laço rosa, alguns bares também abraçaram a campanha. A ação é conjunta com a Roda de Boteco, onde os pratos vencedores serão vendidos durante o mês de Outubro e R$2,00 será doado pra Afecc.

Dentre os bares, o De Passagem Botequim abraçou a causa com o prato Q Trem Bão, que é verdadeiramente delicioso. Um bolinho de taioba recheado com bacon, fantástico. 

Imagina só você comer bem, num ambiente agradável e ainda ajudar uma causa tão nobre, importante e bonita? Muito legal essa iniciativa e fica a dica: em outubro vista-se de rosa, vá ao De Passagem Botequim, peça um Q Trem Bão e seja feliz! Ah, se não esqueça do auto exame, importantíssimo. 

Bjs

http://depassagembotequim.com.br/









terça-feira, 24 de setembro de 2013

Felicidade existe?

Não. Felicidade não existe. Isso é historinha que te contaram quando você era criança. Você foi iludida: em busca da felicidade, corra atrás da sua felicidade, se a felicidade bater na sua porta abra. Nada disso. Conversa fiada.

O que existe, são momentos felizes. E a vida é composta de muitos momentos felizes, momentos de felicidade plena. Dos pequenos gestos que nos trazem uma felicidade que invade a alma, até os grandes acontecimentos que nos fazem felizes só de lembrar.

O que me faz feliz e me enche de felicidade é lembrar das brincadeiras de criança, das molecagens, dos banhos de cachoeira, da rua cheia de criança jogando bets ou queimada. Do primeiro e atrapalhado beijo, do primeiro amor, das vezes que matei aula pulando o muro da escola...hummmm quanta felicidade. Ser criança é ser feliz todo dia!

O momento que minha filha nasceu foi um mixto de felicidade com um sentimento maior que não consigo descrever. E com ela eu vivo quase todos os momentos felizes da minha vida. Hoje vamos pular os outros momentos e ficar apenas com os felizes,rs. Ser mãe é felicidade plena e inexplicável!

Casamento é o que mais vive de momentos. E são os momentos felizes que fazem os casamentos duradouros. Pra durar tem que ter mais momento feliz do que qualquer outro momento. Meu casamento é feliz e buscamos a felicidade todos os dias.

E assim vai. Feliz hoje, triste amanhã, muito feliz depois de amanhã, power mega feliz depois e depois e depois...e no fim, vivemos a felicidade!

Dica de hoje: Ao invés de passar a vida correndo em busca da felicidade, seja feliz toda hora, todo minuto e então no final poderá dizer: Minha vida foi só felicidade!!!!

Beijokas













quinta-feira, 19 de setembro de 2013

O futuro? Amanhã? Quem sabe?

O futuro é uma interrogação. Um talvez, quem sabe, será. 
Passamos a vida inteira pensando no futuro. Vou estudar pra no futuro ser um bom profissional, vou cuidar da saúde pra no futuro ter saúde, vou fazer exercícios para estar bem no futuro, vou juntar dinheiro porque vai que no futuro eu possa precisar, vou fazer isso e aquilo porque no futuro o futuro sempre o futuro. Aí você prende um amor ou se prende no amor pra não ficar sozinho no futuro, você faz muitos amigos pra ter com quem conversar no futuro e o filho único pensa "Preciso casar e ter muitos filhos, senão serei sozinho no futuro."e quem tem muito irmãos se vê aliviado porque nunca vai estar sozinho no futuro. E assim vivemos, plantamos, pra colher...no futuro.
E aí?? 
E o presente? 
Você riu menos porque rir da mais rugas no futuro, você não fez aquela viagem que tanto queria porque estava guardando dinheiro pro futuro, você não beijou mais na boca porque estava se guardando pro seu amor que um dia você vai encontrar, você é jovem prepotente e briga por tudo com seus amigos e irmãos porque um dia vão precisar de você e te perdoar e você cuidou tanto da saúde que não sabe que o torresminho bem fritinho é suculento.........e aí?
E aí, que futuro é uma interrogação. E todo o dinheiro que você guardou foi em vão quando você adoeceu, e todos os sorrisos que você segurou de nada adiantou porque as rugas vão aparecer, e todas as palavras idiotas que você disse pensando que um dia fossem precisar de você e te perdoar, nada adiantou porque você não faz falta e tudo é em vão e de repente parece que o tempo foi perdido esperando e guardando um futuro incerto que ao certo, nada se sabe. 
E aí, o futuro trás junto o correr do tempo que sem dó mostra a força que tem e é essa a hora que você diz "Estou velho. Nem vi e Envelheci". 
Ele é incerto, não certo, pode ser justo ou injusto, barulhento ou solitário. De todo jeito, nada se sabe sobre ele. Só, que, amanhã ele chega. E aí hoje vira passado e amanhã deixa de ser futuro. Complicado e simples, mas é isso.  
Rico ou pobre, solitário ou cheio de amigos, com muito ou com nada, não viva pro futuro, nem pense no passado. 
Ontem. Você já não tem mais. Já era. Nunca mais vai voltar.
Hoje. Você pode tudo. Então aproveite. Sorria mais, faça a viagem que você quer, peça perdão com sinceridade, perdoe com sinceridade, assuma suas fraquezas e cuide delas, não julgue, não pense muito, guarde apenas o necessário, cuide da saúde mas não deixe de correr riscos, ame, beije, abrace...simplesmente pense que hoje é o que você tem. É o ultimo dia da sua vida. 
O futuro? Se o meu chegar, amanhã eu te conto.


Automedicação não é a solução.

Eu andei sumidinha esses dias e aprendi uma dura lição: auto medicação nunca mais.

Há mais ou menos umas duas semanas, peguei "uma gripe" sinistra. A expert aqui, se encheu de remédio pra gripe, de chazinho disso e de aquilo e achando que era uma gripezinha boba, seguiu a vida normalmente.

Saiu a noite, fiquei no sereno, foi no casamento, tomou gelado, tomou mais sereno e só aquela dorzinha de cabeça da gripe, dor no corpo, nariz entupido. Hurum, vai nessa.

A dor de cabeça aumentou de quase cegar, o nariz nunca mais desentupia, uma tosse sinistra a noite toda e aí então, mais de uma semana depois do inicio da "gripezinha" resolvi ir ao pronto socorro. Diagnóstico: sinusite aguda tensa sinistra.

Tipo, um raio x da face branca, tudo branco, tudo entupido.

Então tome antibiótico, xarope pra tosse, antialérgico, antitérmico, anti isso e aqui. Tanto remédio que é tomar e desmaiar, empacotar, quase um Rivotril 5mg. 

Resultado: trabalho atrasado, casa bagunçada, projetos adiados entre outras coisas.

Moral da história: automedicação pode até matar. A minha gripezinha era sinusite, mas e se fosse dengue ou pneumonia? Meu estado poderia estar pior. Automedicação só vale pro chá de mel e limão, mel e alho, chá de casca de banana, própolis, agrião...só o que pode não adiantar nada, mas mal não vai fazer.

Dica do dia: Se você não é médico ou enfermeiro, não se automedique. Se estiver se sentindo mal, tenha paciência e procure um posto de saúde ou o pronto socorro. A nossa vida vale muito pra ser desperdiçada com achismos.








sexta-feira, 13 de setembro de 2013

Café para comer!!!

Isso, café de comer. Simplesmente SENSACIONAL!!

Quem me conhece sabe que eu super amo café. Pode ser espresso, cappuccino, gelado, de padaria, com leite, enfim, eu sou louca por café. E ontem meu marido me trouxe uma tentação: café de comer. Pensa numa maravilha.

A história é a seguinte:

Um brasileiro chamado Flavio Abaurre, sócio da SPA, de Vitória do Espírito Santo, inventou uma forma de processar cafés especiais torrados e finamente moídos, compostos com gordura vegetal. Obtendo uma massa de café integral , que pode ser solidificada e moldada, a qual batizou de CAFENE, em homenagem a cidade de Kaffa, na Etiópia, onde foi descoberto o café.

O que o Flavio Abaurre acaba de fazer com o café é o mesmo que o inglês Joseph Fry fez com a bebida chocolate em 1847; misturando Pó de cacau com manteiga de cacau e açúcar e inventando o que intitulou de “chocolate para comer”.

A massa de café integral – CAFENE – começou a ser fabricada em duas versões; grãos de café para consumo direto e acompanhamento do cafezinho (coffee Beans) e discos para uso culinário (Coffee Coins). Ambas as versões em três sabores: espresso, cappuccino e café com leite.

10g de puro sabor. Não contém glúten e são 52 kcal que vale a pena e nada que uns minutos a mais na esteira não resolva.

Super indico o café para comer Coffee Beans.
https://www.facebook.com/CAFECOFFEEBEANS







quarta-feira, 11 de setembro de 2013

O dia em que a Terra parou.

11 de Setembro de 2001, o dia que a Terra parou. Dia marcado e não comemorado.

Por um mundo sem guerras e com mais fé, solidariedade, amor, compaixão e doação, hoje, 11 de setembro, faça um gesto do bem por alguém. 
Um abraço pra quem não espera, uma ligação pra quem esta longe, um prato de comida pra quem tem fome, um agasalho pra quem tem frio, um sorriso pra quem esta triste, um pedido de perdão, uma palavra pra quem perdeu a fé. 
Se cada um fizer um gesto do bem hoje, bilhões de coisas boas vão acontecer e o 11 de Setembro será lembrado pelo "Dia que a Terra parou pra fazer o bem."

A minha dica de hoje é: faça o bem sem olhar a quem.
"Amai-vos uns aos outros, como Eu vos amo." João15:12











terça-feira, 10 de setembro de 2013

Existe Despedida boa?


Clarooooooooo que existe. Despedida de Solteira. 

Ser solteira é muito bom. É liberdade, é ir e vir sem dar explicação, é colocar vestido curto e decote sem medo de observação, é poder quase tudo. Mas chega uma hora que isso cansa, basta e aí chega o momento de virar a página e começar a escrever um nome capítulo da vida. 

Ser solteira é muito bom, mas ter alguém, todos os dias, pra dividir alegrias, tristezas, dor, saudade, gargalhadas é muito mega bom. Mas, e a despedida? 

Aaaaaaaaaa, a Despedida de Solteira é a hora de reunir as amigas solteiras, casadas, encalhadas em uma grande e inesquecível festa. Pode ser uma festinha, pode ser uma festona, ou, pode ser todas juntas numa van passando de bar em bar, não importa, essa despedida é sempre boa e nunca esquecida.

Primeira regra: pra despedida ser inesquecível é muito importante a presença das amigas e todo o resto é consequência e muita brincadeira e diversão.
Tem despedida que é chá, sem panela e com lingerie, e tem despedida que é só cha, cachaça,rs.

A minha Despedida de Solteira foi uma reunião com as amigas em um barzinho. Sem brincadeiras e muito cha, cachaça. Não me lembro bem como acabou, então vamos ficar apenas com o foi super mega bom e inesquecível.
O Chá de Lingerie da Juju, foi bem ao estilo tradicional: amigas, familia, decoração impecável, lembrancinha e cha, champagne. Tudo lindo, perfeito!!
A Despedida de Solteira da Paula, a Pulinha, começou tranquila. As amigas reunidas no barzinho que ela mais gosta. E, acabou numa boate GLS com uma galera muito massa, muita música e um show com dançarinos bem bem bem dançantes rsrs.
Essas são algumas das ultimas despedidas que fui e que amei. Não posso descrever todas, são muitas,rsrsrs.

A última Despedida de Solteira que fui, que rendeu escrever este post, foi da Isa. A mais inusitada que já fui, e olha que já em algumas tantas.
Voltando a Despedida, a noiva reuniu as amigas em uma van, todas uniformizadas: camiseta, guirlanda com véu na cabeça e caneca. Tudo personalizado #despedidadaisa. Bom, a van circulou por bares de Vila Velha e Vitória. Imaginem a expressão das pessoas quando mais de 20 mulheres desciam da van, todas iguais e mais uma noiva? Inexplicável. Inesquecível.

Então a dica é: Solteiras, vai chegar uma hora que você vai se cansar dessa vida, então, não apronte muito e tenha juízo e amor próprio pra conseguir ter uma Despedida de Solteira. E quando essa hora chegar, reúna as amigas como der e onde for, do seu jeito, mas reúna e viva esse momento com intensidade e alegria!

E pro futuro a dica é: Casamento não tem segredo, tem: paciência, amor, compaixão e cumplicidade.


#despedidadaisa


Chá da Ju



Despedida da Lu Moulin